A VIDA PASSA


janela da minha cozinha - lua ao fundo

6:15
22 graus
O despertador nos levanta, a mim e meu filho. Temos escola, trabalho... Segunda-feira, muitos projetos, tarefas, final de mês e a grana já esta curta.
Coloco o café para fazer, preparo a lancheira e antes de ir para o banho, dou uma espiadela pela janela da cozinha.
Que beleza de lua! Ainda marcando sua presença em um céu quase rosa de sol.  Saúda-me o dia . Prata no ceu azul de minha cidade e da janela de minha cozinha e na foto pequenina.
Da janela da cozinha quantas mulheres antes de nós viram a vida passar? Quantas viram seus homens indo para lida da roça? Quantas enxergaram a roseira lá fora a exalar seu perfume e depois seus filhos também irem para roça. E depois do almoço para escola rural.
Quantas lembranças ficaram na janela da cozinha? Quantas ternuras, tristezas e pensamentos distantes...
Hoje a lua, bem cedo, sorri  insone. Incansavelmente sempre estivera ali velando pelas almas cansadas e persistentes em suas promessas de dias melhores. Alí estivera fazendo-se luz nos caminhos dos andarilhos. Nas matas estivera inspirando a correria dos animais em busca de suas presas e nas cidades condecorando  o canto dos pardais assentados em fios elétricos.
Quantas juras aconteceram sob esta lua nesta noite? Quantos casais nas varandas das casas nas cidadezinhas do interior, quantos aventureiros corajosos cantaram em seu louvor.
A temperatura aumenta, o café exala seu perfume, o pão quente remete a lembrança da vida que acorda para mais um dia de vida vivida quando a escolha é apenas uma ilusão. By Glaucia

Postagens mais visitadas