NA PONTA DO NARIZ

Que a cegueira que te turva os olhos, seja apenas sua.
Que a nuvem de ignorância que te bloqueia a mente seja para ti  o próprio caminho.
Ainda que grite, diante do universo, não reconheces o divino.
Ele  está no coração e não na ponta do nariz.
Na  ponta do nariz talvez só exista arrogância de quem se esconde construindo imagens no caminho dos menos previdentes.
Ou beleza de quem crê no amanhã e enxerga com o coração.

Postagens mais visitadas