CONTRASTES




Sonho em preto no branco
(marrons em rosas, róseas, rosados.)
Vede rosas-flores, tulipas e lírios.
E o sabor de canela, quente?
Sorve lentamente deixando aroma impregnado no ar.
Pesado e denso
Soberba  tromba d’água
Domina-me, adestra-me.
Força de Deus,
Menino Deus
( de Deus)
O  deitar pelos sentidos sem tirar do chão, a razão.
Sem tirar dos pés a fé,
Esperança sem traço, sem aço, sem março.
Esperança  
Contraste de céu e mar,  
No mar
Misturam-se  notas europeias aos tons tropicais
Verde  matas, verdes olhos
Contrastes de artes,
De martes,
De sonhos de luz.
24 de março de 2013

Postagens mais visitadas