SOL E LUA

Curto Chico, Você ouve Apocalyptica
Prefiro Sansung, você prefere Apple
Sou Fiat. Você, Honda
Eu e Você...Tipo Claudinho e bochecha.
Tipo pão com manteiga.

Complemento dos contrários:
Uns gostam disso, outros daquilo, assim, assado,
Verdes, róseos, azul anil.
Samba enredo, samba de roda, samba do crioulo doido.
"Todo mundo quer amor. Quer amor de verdade"

Todo mundo tem direito de ser torto, morto, mofo, moco, porco...
Cada um na sua, cada um no seu, cada qual com seu mal, com seu sal e coisa e tal.
Assim, meio bege, meio tonto, meio beijo, meio entojo.
Mil abraços, sem cansaços, sem amassos, sem espaços.
E depois... A aurora

Um dia após o outro, sem tropeço, sem alvoroço.
Como um trovador, repentista, pessimista, ilusionista...
Sonhando, vivendo, tropeçando e levantando.
Tipo frio ou quente, morno ou calculista feito sopa no inverno.

Neste raio de tempo, (re)vendo (com)aceitos (re) aprendo, me prendo, me rendo, me aceno e me deixo,
Vou-me reto e direto ao raio , que temo, sem conceitos aceitos e pré-conceitos
Sincronia entre respiração e verso
Sintonia de amor juvenil que chegara com esquecimento e voltara em um momento.
Assim, azul, róseo, latente, somente SOL E LUA.

Por Glaucia  & R.Chalub

 

Postagens mais visitadas