CONVERSA DE AMIGOS


  • Quantas perdas!
  •  A vida neste mundo é assim, né? Estamos todos aqui transitoriamente
  •  Penso na minha própria transitoriedade. Minha transitoriedade esta demorada 
  •  Temos que ter sempre motivos grandiosos para viver. Por isto vivo com intensidade. Para dar conta da dureza da vida
  •  Precisamos de ideais. Não sei como tem gente que vive de deu em deu
  • Temos a libido e a agressividade. Assim Freud nos definiu energeticamente. Energia criadora e agressividade
  •  Note as pessoas que são só amor, ternura: Sofrem mais
  •  A agressividade serve para termos firmeza, abrirmos caminhos.
  •  O ideal é crescermos no amor e na razão, na fé e no conhecimento.
  •  Sou um livre-pensador, de coração, de alma e ate de corpo para dar conta de entender o mundo e a mim mesma
  •  Entender não, aceitar.
  • Tenho espírito inquieto e rebelde e sofro demais com isto. Esforço-me e confesso: Há anos venho me polindo e me dobro a força as vezes
  •  É, às vezes estou morrendo, me arrastando e lutando. Isto cansa
  • Talvez o segredo esteja exatamente em parar de lutar
  •  Acho que isto é uma prisão, ou será quase libertário?
  • O segredo, creio, está na entrega a Deus 
  • Você sabe rezar?
  • Acho que sei
  • O detalhe é que Ele está DENTRO de VOCÊ. Procurá-LO fora é bobagem. A Luz Divina está em todos nós.
  • E se manifesta através de nós. Um dia você, noutro eu.
  • Tenho um vulcão que não se aquieta nunca. Meu vulcão me afasta de deus
  •  Tenha fé em Deus, tenha fé na Vida, disse o velho e bom Raul Seixas

Postagens mais visitadas