DESTINO

Tive um sonho...

Uma menina, em um trem, olhava pela janela.

Ela, pequena e bela e solitária, me convidara apreciar sua vista.

Aceitei curiosa e percebi que era apenas  paisagem.

Na companhia daquela menina, era a melhor de todas as contemplações.

Imaginei que ela fosse um anjo e perguntei o que queria dizer-me e soube:

"não pense no destino, aprecie. Minha condição indica apenas inocência."

Postagens mais visitadas